Sherlock, uma série espetacular

ef-sherlock

Ah, gente, nem sei o que dizer dessa série!

A série é baseada nos livros do Sir Arthur Conan Doyle (que também já foram adaptados cinematograficamente). Sherlock Holmes é um detetive consultor (expressão que ele mesmo diz ter inventado) a quem a polícia de Londres recorre nos casos que não consegue encontrar solução. Ele tem a ajuda do Dr. Watson que serviu como médico no exército britânico na Guerra do Afeganistão e após ser atingido por uma bala, foi forçado a voltar para Londres.

A mente de Sherlock é fascinante, e ele consegue descobrir inúmeros aspectos da vida de alguém apenas por olhar sua aparência. Já no primeiro episódio, Sherlock e John Watson começam morar juntos e, ao longo da série, os dois trabalham juntos na resolução de homicídios e enfrentam o maior “inimigo” de Holmes, Jim Moriart.

Tudo na série é incrível: desde à trilha sonora (que é apenas instrumental) até o enredo. A atuação do Benedict Cumberbatch (lindo!) é incrível, assim como o Martin Freeman. Outro ponto super positivo é que a série se passa em Londres <3

O que dizer desses bf's, né?! Haha <3
O que dizer desses bf’s, né?! Haha <3

Cada temporada foi lançada de dois em dois anos e a próxima, que é a quarta, será lançada em 2016. Até agora, sabe-se que haverá um especial de natal no fim desse ano!

Ah, outra coisa linda na série: a abertura!

Espero que gostem e que viciem como eu, haha <3

Para me acompanhar nas redes sociais:

Twitter | Tumblr | Facebook | Instagram

Resenha: Mentirosos

I’M BACK! Yay! Depois de 2 meses, agora, finalmente, tenho tempo pra botar tudo em ordem. De pouco a pouco os posts vão voltar com a mesma frequência :)

Enfim, a resenha de hoje é de um YA surpreendente!

20150702_161844_edited

Os Sinclair compõem uma família tradicional dos EUA que, todos os verões, vai para a ilha do patriarca. Eles tentam seguir todos os padrões da famosa família tradicional ~blablabla, mas é notável que, mesmo que tenham uma imagem “perfeita” para as outras pessoas, a família possui inúmeras intrigas, principalmente, por interesse na fortuna do patriarca.

O livro é narrado em primeira pessoa pela Cadence, a neta mais velha, que sempre está acompanhada de seus primos e Gat, um garoto que praticamente cresceu com ela, embora não seja da família. No verão dos quinze, ela sofre um acidente na praia e não se lembra do que aconteceu. Depois desse acidente, Cadence começa ter algumas atitudes diferentes e, assim, o leitor começa saber um pouco mais sobre seu passado e seu presente. Isso tudo nos leva a um fato impactante e surpreendente!

20150702_161856_edited

Pra ser sincera, achei o início do livro bem chatinho. Mas depois do acidente, quando algumas coisas são reveladas e se torna possível “juntar as peças” pra levar ao tal fato super impactante, o livro fica maravilhoso <3

Sério, gente, recomendo muito! É surpreendente e praticamente impossível de largar a leitura!

Algumas marcações:

“Bem-vindo à bela família Sinclair.

Ninguém é criminoso.

Ninguém é viciado.

Ninguém é um fracasso.” 

“A vida parece bela nesse dia.

Nós quatro, os Mentirosos, sempre fotos.

Sempre seremos.”

 

4/5 | Páginas: 271 | ISBN: 9788565765480 | Editora: Seguinte

Para me acompanhar nas redes sociais:

Twitter | Tumblr | Facebook | Instagram 

 

6 on 6: coisas que me fazem feliz

Oieeeeee! Como esse mês eu estive bem enrolada com as coisas da escola, não tive tempo de postar o 6 on 6. Mas don’t worry, porque o de maio não vai atrasar tanto (eu acho, haha).

20150503_171709

Amigos que me conhecem bem e sabem me presentar <3 (obrigada, Maluzinha!)

20150503_171728

Não sei vocês, mas ver fotos antigas me deixa tão bem!

20150503_171759

Terminar mais uma temporada de uma das minhas séries favoritas EVER!

20150503_172042

Reler livros favoritos <3 Sinto que gosto mais a cada vez que leio!

IMG_20140126_193007718

Viajar! (de carro e de avião, haha)

2014-04-11 17.34.56

Doces! Acho que não preciso dizer mais nada, né?! Haha

Confiram as fotos das queridas (e do querido) Sherry,Nathalia Cardoso,Nathalia Iury,Aline e Junior Vaka

Para me acompanhar nas redes sociais:

Twitter | Tumblr | Facebook | Instagram 

I’m alive!

Oi gente! Eu sei, eu sei que ando um pouco sumida, e esse é o motivo do post de hoje.

Ultimamente, minha vida anda uma bagunça: são provas atrás de provas, tarefas atrás de tarefas… Tá hard haha! Quando tenho um tempinho livre, não tenho criatividade para escrever aqui no blog :( Tento fazer alguns posts, mas sempre ficam meio mal feitos e as vezes, meio nada a ver. Então, prefiro não postar. Mas prometo que vou tentar me organizar, viu?!

Ah, se vocês tiverem alguma sugestão/ideia de post para que eu faça, podem deixar nos comentários ou enviar no e-mail do blog  :)

Obrigada pela compreensão de todos vocês! <3

Primeiras impressões: A playlist de Hayden

YAY!

Quem recebi mais um livreto da Novo Conceito?! Haha (obrigada, editora! <3) A premissa desse livro é bem diferente do primeiro que recebi. Embora a capa sugira muito que será um romance, não, não é.

20150324_181305

O melhor amigo de Sam, Hayden, comete suicídio. A partir daí, Sam, que narra a história em primeira pessoa, relata seus dias após o acontecido e algumas memórias dos dois juntos. Ambos são o tipo de adolescente que não se encaixa em nenhum “grupinho” na escola, e não são muito bons em comunicar-se. Além disso, sofrem bullying principalmente pelo irmão de Hayden e seus amigos.

Sam encontra Hayden morto em seu quarto e, perto de sua cama, havia um bilhete, junto a um pen drive, escrito “Para Sam. Ouça. Você vai entender”. Daí em diante, cada capítulo tem o título de uma música (que, por sinal, são todas maravilhosas <3). Agora, Sam tem que lidar com a culpa, tristeza e, além de tudo, descobrir o que levou Hayden a cometer suicídio.

20150324_18135920150324_181333

EuprecisomuitodolivrointeirosocorromeuDeus! Amei os primeiros oito capítulos que recebi, e curti muito a escrita da autora. Quero muito a edição completa!

Gente, o lançamento do livro é dia 06 de abril (YAY! Tá pertinho!) e, se o final me surpreender, vai ter resenha simmm! ~e se reclamar vai ter duas haha

 Então, é isso, pessoal!

Espero que vocês estejam gostando dessa nova “categoria” aqui no blog

Para me acompanhar nas redes sociais:

Twitter | Tumblr | Facebook | Instagram 

 

5 motivos para assistir Orphan black!

Oieeee, gente!

Cá estou eu, novamente, escrevendo sobre séries (como lidar com esse vício?). A indicação do post é Orphan Black, uma série viciante que vai fazer com que você não saia da frente do computador até terminá-la. Listei cinco motivos importantíssimos que vão te fazer assistir o primeiro episódio assim que você terminar de ler o post:

1. Os clones e a incrível atuação de Tatiana Maslany

orphan-black-2

O que mais me impressiona na série são os clones. Gente, dá pra acreditar que são todas interpretadas pela mesma atriz? Não! Haha. Cada clone é cheia de personalidade, de suas peculiaridades e aspectos que, definitivamente, não podem ser comparados.

2. Poucos episódios por temporada 

Se tem uma coisa que tira meu ânimo ao começar assistir uma série, são muitos episódios por temporada. Acho cansativo e desnecessário (embora minha série preferida tenha mais de 20 episódios em cada temporada, hehe). São 10 episódios e todos (sem exceção) têm tanto suspense que parecem final de temporada ~outro ponto SUPER positivo na série.

3. Sem estereótipos

Orphan Black é o tipo de série que aborda sexualidade sem enfatizar, e da maneira mais natural possível. Os personagens homossexuais simplesmente são e ponto, sem nenhum ênfase nisso. Inclusive, a sociedade atual devia seguir esse exemplo e abandonar os rótulos. Afinal, o que faz de nós indivíduos diferentes, não é a opção sexual.

4. É ficção científica? É, mas não é

Pera, como assim, é ou não é?! HAHA

Sim, a série é sci fi, mas se tem um termo que define a série, com certeza, não é esse. Orphan Black vai muito além da ficção, e você não precisa amar o gênero pra amar a série. Eu, particularmente, não sou muito fã de ficção, mas amei Orphan Black desde a primeira cena.

5. Ainda dá tempo! 

OrphanBlackPoster4

A série só tem duas temporadas lançadas, e a terceira será lançada dia 18 de abril. Ou seja, ainda dá tempo de assistir antes da estreia. Só digo uma coisa: é viciante! (Assisti as duas temporadas em dois dias? SIM haha).

Então é isso, gente! Espero que eu tenha convencido vocês <3

Para me acompanhar nas redes sociais:

Twitter | Tumblr | Facebook | Instagram 

Primeiras impressões: A mais pura verdade

YAY! Semana passada recebi da Editora Novo Conceito (obrigada, gente!) essa prévia do livro A mais pura verdade, e vocês não imaginam como fiquei feliz <3

O livro será lançado no dia 23 de março, e eu mal posso esperar para lê-lo inteiro! Essas 95 páginas me emocionaram demais, gente! Mas deixa de blá-blá-blá e vamos pro assunto principal.

20150307_142524

Mark, aos 12 anos, decide fugir de casa com uma intenção: escalar o Monte Reiner. Embora tenha uma família que o ama e uma melhor amiga de infância, Mark também tem uma doença terminal, e esse é um dos motivos que o levam a sair em busca de seu sonho de escalar uma montanha, vez que seus pais se tornaram cada vez mais protetores devido a doença e, assim, é praticamente impossível realizar esse desejo. O protagonista tem um cachorrinho, e o leva nessa aventura. A amizade e conexão deles é linda, e isso me emocionou muito! Mark fotografa e escreve tudo o que o toca, e é assim que ele vai em busca do seu sonho: com seu cachorrinho, uma máquina fotográfica e um caderno para que possa escrever seus poemas.

20150307_142547

O livro é dividido em capítulos, que são narrados por ele, e uma espécie de subcapítulos, que são narrados em terceira pessoa, contando como está sua família durante seu sumiço.

Confesso que tenho um pouco de medo quando começo ler livros que tratam de doenças terminais e crianças. Sempre choro e fico mal por algum tempo. Mas esse é diferente. Não é só um romance ou uma leitura melancólica, vale a pena ler! Me senti amiga do protagonista, como se estivesse acompanhando-o em sua aventura!

Chega logo, 23 de março <3

“Mesmo a muitos quilômetros de distância,

um amigo ainda pode segurar sua mão

e estar ao seu lado.”

Para me acompanhar nas redes sociais:

Twitter | Tumblr | Facebook | Instagram